comunicação não verbal

Como Beyoncé usa a imagem dela de forma política

Beyoncé tem deixado cada vez mais claro que luta pelo fim do racismo e empoderamento negro. A causa está presente nas letras e videoclipes da artista, mas também está no vestir e no posicionamento político público, como o apoio às campanhas de Barack Obama e Hillary Clinton. Apoio esse, feito também, por meio de roupas …

Como Beyoncé usa a imagem dela de forma política Leia mais »

Estratégia de comunicação visual no discurso de Melania Trump: porque a associação da roupa com o autoritarismo não afeta a campanha republicana

Com a Convenção do Partido Republicano, que aconteceu na última semana de agosto, o mundo voltou o foco para a família Trump. Análises e criticas aos discursos do presidente pautaram a grande mídia e diversos memes com as roupas e expressões faciais da primeira-dama lotaram as redes sociais. Um desses memes buscava associar a roupa …

Estratégia de comunicação visual no discurso de Melania Trump: porque a associação da roupa com o autoritarismo não afeta a campanha republicana Leia mais »

De Eva a Evita: as estratégias de imagem da primeira-dama argentina para virar ícone do povo

Maria Eva Duarte Peron é em exemplo de que uma mulher não precisa ter um cargo eletivo para ter um protagonismo político e de que a comunicação é um conjunto complexo de códigos passados pela linguagem oral e não verbal. Foi para Buenos Aires em busca do sonho de ser famosa e passou por um …

De Eva a Evita: as estratégias de imagem da primeira-dama argentina para virar ícone do povo Leia mais »

Política é feita nas entrelinhas: o efeito Obamas na eleição 2020

No meio do burburinho dos novos acontecimentos do cenário eleitoral dos EUA, não dá para ignorar o efeito Obamas. Assim, no plural, porque mais do que nunca não é só sobre o ex-presidente, mas sobre toda a família, principalmente a ex-primeira dama. ⁣ Michelle deixou muito claro como usou a imagem dela a favor de …

Política é feita nas entrelinhas: o efeito Obamas na eleição 2020 Leia mais »